sexta-feira, 5 de julho de 2013

Condomínios do Minha Casa, Minha Vida serão sorteados neste sábado em Joinville

Condomínios do Minha Casa, Minha Vida serão sorteados neste sábado em Joinville Rodrigo Philipps/Agencia RBS
Dieila vai quase todos os dias até a rua Areias Brancas e dá uma espiadinha no seu sonho Foto: Rodrigo Philipps / Agencia RBS

2.832 pessoas concorrem a 600 apartamentos em dois condomínios no Jardim Iririú

O misto de ansiedade e timidez no rosto da dona de casa Dieila Gonçalves Viana, 24 anos, deu lugar a risos de esperança tão logo ela entrou pelo portão do condomínio Procurador Luiz Bernardo Wust Costa, no Jardim Iririú - zona Leste de Joinville - na tarde de quinta-feira.

Dieila é uma das 2.832 pessoas que vão concorrer a 600 apartamentos nos condomínios Luiz Bernardo Wust Costa e Irmã Maria da Graça Braz, neste sábado, a partir das 8 horas, pela TV Brasil Esperança.

Mãe de três filhos, o sonho de Dieila hoje é deixar a área de invasão em que vive na localidade Dom Gregório:

- Vivo preocupada porque lá tem muito rato e tenho medo pela Nicole (filha de cinco anos que tem deficiência de fala e locomoção), que está sempre na cama - desabafa.

Caso seja uma das contempladas, Dieila terá direito a um dos 18 apartamentos equipados para garantir a acessibilidade de deficientes físicos - o equivalente a 3% dos imóveis. Os idosos terão direito a 10%.

Ansiosa, a jovem dona de casa está contando os minutos para a cerimônia.

- Que venha rápido, que esta sexta-feira passe voando - deseja.

Dieila conta que quase todos os dias vai até a rua Areias Brancas, onde fica o condomínio, para levar a filha Nicole pegar o ônibus especial para deficientes e aproveita para dar uma espiadinha nas obras.

- Não há nada como você ter a casa própria - disse, enquanto conhecia um dos apartamentos já em em fase adiantada.

O diretor da construtora Roma, Marco Antonio Corsini, responsável pelo empreendimento, explica que os blocos foram construídos com certa distância uns dos outros para garantir a privacidade dos moradores.

Assim têm uma melhor ventilação e também oferecem espaços com jardinagem e recreação para os moradores. Conforme a Caixa Econômica Federal, os apartamentos devem ser entregues no primeiro semestre de 2014.

Região conta com boa infraestrutura

Os futuros moradores dos condomínios não devem enfrentar problemas com infraestrutura. Na rua em frente ao condomínio Procurador Luiz Bernardo Wust Costa, a Areias Brancas, que é pavimentada, há pontos de ônibus e, a cerca de 200 metros, tem um posto de saúde.

Um pouco mais adiante, existe uma escola e uma unidade da Fundamas. Nas proximidades, há ainda outra escola, um CEI, e uma base da Polícia Militar a cerca de dois quilômetros.

O comércio da região também é bem abastecido, com postos de combustíveis, mercados, farmácias, redes de lojas de varejo, mecânicas, entre outros serviços.