segunda-feira, 27 de maio de 2013

Feirão Caixa da Casa Própria movimenta R$ 1,075 bilhão

Feirão Caixa da Casa Própria movimenta R$ 1,075 bilhão Caixa Federal/Divulgação
Evento na Fiergs reuniu público de quase 20 mil pessoas Foto: Caixa Federal / Divulgação

Nos três dias do evento foram fechados 7.308 contratos

Com crescimento de 12% em relação à edição do ano passado, o Feirão Caixa da Casa Própria movimentou um total de R$ 1,075 bilhão. O evento, realizado desde sexta-feira no Centro de Eventos da Fiergs, em Porto Alegre, terminou neste domingo, totalizando 7.308 contratos fechados, com valor médio de R$ 148 mil.

Foram ofertados mais de 32 mil imóveis: 15,5 mil usados e 16,5 mil novos ou em construção. Participam 48 construtoras e 69 imobiliárias, além de parceiros do governo do Estado e prefeitura da Capital.

Conforme a Caixa, passaram pelo evento no final de semana 19,2 mil pessoas. Até sábado, o feirão já tinha movimentado R$ 652 milhões.

Apesar do volume de contratos celebrados durante o feirão, o superintendente regional da Caixa no Leste Gaúcho, Eduardo Kisner, destaca que os efeitos vão se propragar e a expectativa é de que o movimento no setor imobiliário das agências dobre nas próximas duas semanas.

- Muitos clientes visitam o feirão e só depois tomam a decisão de obter o financiamento. Com os contratos fechados, estimamos que cerca de 28 mil pessoas ficaram mais felizes, pois terão a sua casa própria - afirma.

Um dos atrativos para a obtenção do financiamento é a possibilidade de pagar a primeira prestação em janeiro de 2014. Os prazos são de até 35 anos e as taxas de juros, a partir de 4,5% ao ano.

Neste domingo, a incorporadora Melnick Even realizou a segunda edição do Melnick Even Day, que pretendia comercializar 430 imóveis comerciais e residenciais em oferta, alguns com descontos à vista que chegavam à 36%. Filas se formaram nas ruas próximas à sede da empresa, no bairro Mont Serrat, e alguns clientes dormiram em barracas para garantir os negócios.

De acordo com diretor da construtora, Juliano Melnick, cerca de 200 contratos foram fechados, superando a edição do ano passado, mas os números somente serão definidos nesta segunda-feira.

_ Vamos aguardar o retorno, com assinatura, dos contratos impressos até a meia-noite para encerrar a contabilização _ afirmou.